“A Distante Proximidade” de Almeida Cumbane

0
51

Almeida Cumbane, escritor moçambicano, lança hoje a sua mais recente obra “A Distante Proximidade”, no Centro Cultural Brasil-Moçambique, em Maputo, pelas 17:30 horas.

“A Distante Proximidade”, apresentado pela primeira vez ao público, no dia 25 de Julho, durante abertura da 6ª edição do Festival Internacional de Poesia, em Xai-Xai, une os géneros contos e crônicas.

A obra alberga um total de 17 narrativas inspiradas no quotidiano. Para além disso, objectiva colocar o leitor diante de vários horizontes, bem como denuncia a distância que pode haver entre pessoas próximas umas das outras.

“Diante de outros horizontes de leitura que se possam abrir, estes textos denunciam a longa e tenebrosa distância que pode haver entre entes que estão tão perto uns dos outros. São distâncias que nos separam não porque nos faltem pontes mas porque construímos mares que as engolem. Não é apenas sobre relacionamentos com os outros mas também connosco mesmos”, excertos da sinopse do livro “A Distante Proximidade”, publicada na página do Centro Cultural Brasil-Moçambique.

A apresentação do livro estará a cargo de José Castiano, Filósofo e Vice-Reitor da Universidade Pedagógica.

Almeida Cumbane nasceu na cidade de Maputo, Moçambique. É autor do romance “Ilusão à Primeira Vista” (Prémio Literário TDM 2016) e co-autor de peças de teatro e de radionovelas (rodadas na Rádio Comunitária Voz Coop). Cumbane tem participações em antologias. Publica contos e crónicas em revistas, jornais e blogues.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here