Aline Frazão lança novo single: “LUZ FOI”

0
77

A compositora e intérprete angolana Aline Frazão lançou o novo single “Luz Foi”, uma canção que dedica ao dever de reflexão e acção sobre o actual estado do país e também do mundo, no dia da Independência de Angola (11 de Novembro).

“No dia em que se celebram os 45 anos da Independência de Angola, é urgente perguntar: quem foi que desfez tudo aquilo que nós combinámos?”, questionou Aline Frazão, conforme o comunicado que chegou ao “Mbenga”.

A canção, explicou, quer falar da esperança diariamente ameaçada pelos problemas, pelas carências básicas e pelas lutas do quotidiano que a maioria do povo angolano enfrenta actualmente.

Frazão assume: é difícil ter esperança às escuras. “Luz Foi”, descreveu Aline, “é uma canção sobre uma promessa por cumprir, mas que nem por isso esquecemos, nem por isso deixamos de cobrar: luz, água, pão na mesa, educação, saúde, habitação”.

“Luz Foi” tem letra e música de Aline Frazão, foi gravado entre Luanda e Lisboa em Outubro, com a nova banda – formação com a qual Aline irá gravar o próximo disco, que prevê editar em 2021. O vídeo dá continuidade à parceria com o realizador Fradique, a quem se juntou o fotógrafo Cafuxi.

O tema editado em simultâneo com o videoclipe no dia da Independência, está disponível em exclusivo digital para ver e ouvir nas plataformas de vídeo, streaming e download: Youtube, Spotify, Apple Music, Tidal e Smartlink.

Este é o segundo lançamento de Aline em 2020, depois de ter assinado a banda sonora original de “Ar Condicionado”, filme de Fradique sobre a Luanda pós-guerra civil, premiado como Melhor Longa Metragem de Ficção no International Film Festival Innsbruck (Áustria) e Melhor Filme no Imagine Science Film Festival (Estados Unidos da America).

Aline Frazão

Aline Frazão (1988) nasceu em Luanda. É cantora, compositora e produtora. Tem quatro álbuns de originais editados até à data. O seu álbum de estreia, “Clave Bantu”, foi lançado em 2011 e deu o arranque para a sua carreira nacional e internacional.

Seguiu-se “Movimento”, em 2013, “Insular”, em 2015, e “Dentro da Chuva”, editado em 2018.

Aline Frazão é uma das autoras mais prolíferas da sua geração, actuando com frequência em

vários palcos, tanto em Angola como além-fronteiras. A banda sonora de “Ar Condicionado” é a sua primeira experiência musical ligada ao cinema.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here