“OS FUNERAIS DE MUBENGANE”: Aldino Muianga prossegue o seu percurso pelo subúrbio

0
61

ALDINO MUIANGA volta a trazer à superfície o universo fantástico suburbano na esteira de uma nostalgia, que lhe é característica, com a colectânea de contos “Os funerais de Mubengane” a ser lançada hoje, no Auditório do Edifício-Sede do BCI, em Maputo.

O livro sai sob chancela da Cavalo do Mar, que já tinha publicado “Asas quebradas”, do mesmo autor. A obra será apresentada pelo académico Almiro Lobo.

“‘Os funerais de Mubengane’ é um livro, que mantém, digamos, o ritmo épico a que Aldino Muianga já nos habituou: o cenário preferencial da acção e da movimentação das personagens é suburbano”, escreveu Lucílio Manjate, que assina o prefácio.

O prefaciador prossegue apontando que nesta obra permanece a aproximação do autor com as estéticas realistas e naturalistas.

Esta colectânea que parte do fantástico, explica Lucílio Manjate, convoca, de forma, particularmente, intrigante, o debate sobre a possibilidade de outras pegadas para a existência.

Nesta perspectiva, lê-se no prefácio, “a racionalidade africana contrapõe-se, implicitamente, à ocidental”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here