Nandele lança “Likumbi” hoje no Franco

0
105

 
O produtor de “beats” Nandele estreia-se na discografia com o álbum Likumbi a lançar hoje na Sala Grande do Centro Cultural Franco-Moçambicano, cidade de Maputo, pelas 19:30.
18157752_1002732073190668_7598528009227346645_nNum percurso profissional que já atingiu a maior idade, 18 anos, o produtor levou os últimos dois a produzir este álbum, que conforme consta na página oficial do “Franco”, no Facebook, explora vértices, zonas obscuras que sempre existem.
O álbum, pode-se ler na plataforma, cruza sonoridades diversas, influências do Trip hop ao Drum and bass, do experimental ao Big beat.
Este título “Likumbi”, que é nome de um conjunto de ritos de iniciação no grupo étnico Makonde, no distrito de Mueda, Cabo Delgado, de onde Nandele é originário, não deixa de ser uma metáfora ao facto desta ser a sua iniciação na produção discográfica.
O mesmo será editado pela Kongoloti Records em Maputo e conta com os trabalhos de mistura e masterização de Grasspopers, participações de embri0n e do sul-africano Dion Monti.
Com doze faixas, a produção “foi, como o ritual que designa, uma experiência com medos, hesitações e aprendizagem, e é também uma sincera homenagem ao povo Makonde”, confessa Nandele.
A certeza de que este era o caminho, prosseguiu, Nandele só teve depois de vários meses de dúvida, não só pelos compassos que foi tomando mas também pela integração de elementos sonoros distintos em todo o processo.
Confira Nandele:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here