Lançamento do livro “A Revolta dos Instrumentos”

0
46

“A Revolta dos Instrumentos” é o título do livro infanto-juvenil da autoria de Mia Couto e Manoela Pamplona, ilustrado por Ana Lúcia (Nwetana) e com músicas de TP50. A ser lançada no sábado, 19 de Novembro, pelas 10.00 horas na Fundação Fernando Leite Couto, a obra é a adaptação de um musical proposto e performado pelo agrupamento TP50.

Deste trabalho já resultou um CD, lançado no ano passado, com o patrocínio da Couto, Graça & Associados.

O enredo escrito por Mia Couto e Manoela Pamplona narra uma revolta dos instrumentos contra os músicos. Os instrumentos eram velhos e estavam armazenados há muitos anos, até ao dia em que os músicos os foram buscar para formarem uma banda.

Volvidas duas semanas de muito ensaio de preparação para um espetáculo, os instrumentos, cansados de tanto serem tocados e depois abandonados descobertos no frio e no escuro, com o agravante de terem descoberto que não aparecem nos cartazes, o que entendem como falta de consideração, indignam-se e começam uma revolta.

A situação

divide opiniões entre os instrumentos. Na discussão, há alguns que defendem a realização de uma greve contra os músicos e outros que defendem a submissão, pois essa é a função dos instrumentos.

Entretanto, na véspera do show, o percussionista escuta o tambor a reclamar dos maus-tratos e decide estabelecer o diálogo que conduz à reconciliação, por terem entendido que uns não existem sem os outros.

A sessão de lançamento contará com a performance de Letícia Deozina na voz, Nicolau Cauaneque no piano e uma performance das actrizes Sufaida Moiane e Clotilde Guirrugo.

Artigo anteriorO medo entre os meus dedos
Próximo artigoUm encontro na margem sul de Moçambique
É licenciado em Jornalismo, pela ESJ. Tem interesse de pesquisa no campo das artes, identidade e cultura, tendo já publicado no país e em Portugal os artigos “Ingredientes do cocktail de uma revolução estética” e “José Craveirinha e o Renascimento Negro de Harlem”. É membro da plataforma Mbenga Artes e Reflexões, desde 2014, foi jornalista na página cultural do Jornal Notícias (2016-2020) e um dos apresentadores do programa Conversas ao Meio Dia, docente de Jornalismo. Durante a formação foi monitor do Msc Isaías Fuel nas cadeiras de Jornalismo Especializado e Teorias da Comunicação. Na adolescência fez rádio, tendo sido apresentador do programa Mundo Sem Segredos, no Emissor Provincial da Rádio Moçambique de Inhambane. Fez um estágio na secção de cultura da RTP em Lisboa sob coordenação de Teresa Nicolau. Além de matérias jornalísticas, tem assinado crónicas, crítica literária, alguma dispersa de cinema e música. Escreve contos. E actualmente, é Gestor de Comunicação da Fundação Fernando Leite Couto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here