Mudar de vida/1

0
347
Hanged Man, por James Robb

Por: Pedro Pereira Lopes

Estava pronto para mudar de vida. Deixou o emprego, injusto para os seus olhos de gato mimado, e passou pela igreja, em busca de uma possível bênção do santo pastor. Mudar de vida era preciso.

Não estou. Não Vivo. Sou poeira cósmica do que existiu, disse o homem de si para consigo.

Quando o sol chegou, na manhã seguinte, o seu corpo estava hirto, o pescoço torto. Desalmado. Outro.

Artigo anteriorAlto estilo
Próximo artigoMudar de vida/2
A plataforma Mbenga: Artes e Reflexões têm mais de quatro anos no mercado. Produz conteúdos jornalísticos (notícias, entrevistas, reportagens, crónicas, críticas) e literários. Concebe e fornece conteúdos para revistas institucionais e presta serviços de assessoria de imprensa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here