Apocalipse Moçambicano

0
125

 Se é o Apocalipse eu não sei, só sei que Moçambique sempre viveu o fim.   Em minha defesa tenho a natureza que também retardou de vez este País nos últimos 4 meses.


Sim. Que já vivíamos o fim antes da vinda dos irmãos Kenneth e Idai, eu sei.  Afinal, esses dois só vieram nos tirar o pouco que fazemos sem ninguém nos: desviar, roubar, corromper, aniquilar, subornar. Falo a terra que plantamos com tanto sacrifício, em terra destruída pela urina e a chuva que entre choros, oramos por ela, sempre caí em jeito de desastre,  logo agora, que já íamos nos acostumando a ideia da desnutrição nas “nossas flores” que hoje murcharam inundadas.


Mas bem, aproximam se os dias dos doutores desta terra, o colono negro,   com seus teatros nos prometem mais uma vez de entre tantas, viver uma peça de Géneses da nossa estória, são os mesmos que   nos fazem viver momentos anteriores a outros piores, jamais que este. 

E porque quero convencer a mim mesma que gozo de liberdade de expressão e existe uma lei de imprensa, com minha caneta na mão faço os meus rabiscos e percebo até não têm nada a ver com os de cima, talvez seja nosso destino viver o aborto, o quase golo, etc.

O que me dói é saber que milhares dos meus e da minha faixa etária, raça da minha raça, filhos do mesmo ventre, nesse momento lhe falta a caneta e o papel para rabiscar e lá se foi a esperança na sua delituosa idade morrer no coração e no cérebro deste sonhador. Mas também como manteria este sentimento, a chama acesa?

Se as águas não se importaram com seus sentimentos passaram por cima dele, da fome, do tecto, da escola, das vestes, e despreocupado com o à manhã!


Então essa Luz no fim do túnel, continuara apagada e por um de nós até quando?
Combate a pobreza, combate se em que parte deste País?
Se tudo se faz e nada acontece. Se até as várias instituições renomadas já nos provaram que são verdadeiras fontes de lavagem de dinheiro, fraudes, corrupção. Afinal onde estamos, para aonde vamos? Ou já estamos condenados a viver o fim porque o começo também despenhou – se em Business?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here